PT de Cariacica lança Célia à prefeitura, mas presidente não descarta apoio a Euclério
POLÍTICA

PT de Cariacica lança Célia à prefeitura, mas presidente não descarta apoio a Euclério

momento que não existe essa possibilidade, porque estaria sendo incoerente. O que existe é uma nota de apoio à candidatura da Célia, representante do PT. E não é nem pela federação, porque não foi discutido isso ainda de fato”.

Questionado, mais uma vez pela coluna, se não descartaria a possibilidade da federação apoiar Euclério, Luiz respondeu: “Não descarto. Não posso falar que não existe essa possibilidade no momento. Agora a pré-candidatura do PT está colocada no diretório e no partido”, afirmou.

Em outras palavras, o presidente do PT de Cariacica confirmou que o partido apoia a pré-candidatura de Célia, mas sinalizou para a possibilidade de uma aliança nacional entre o PT e o MDB resultar na decisão da federação ter de apoiar Euclério em Cariacica.

Euclério foi eleito pelo DEM, que se fundiu com o PSL e fundou o União Brasil. Porém, o prefeito trocou recentemente de legenda alegando “movimentação política”, e se filiou ao MDB que no Estado passou a ser comandado pelo vice-governador Ricardo Ferraço.

Luiz explicou que o PV, que forma a federação, faz parte da base aliada de Euclério, e tinha o vereador César Lucas (PV), até o ano passado, como o líder do prefeito na Câmara de Vereadores de Cariacica.

Há a previsão da federação se reunir após o Carnaval para definir se lançará ou não candidatura própria e de quem será. Nos bastidores, o PV também se movimenta com o presidente municipal da sigla, Heliomar Costa, que estaria colocando o nome à disposição para a disputa – sinal de que ainda não há consenso no grupo.


PT

PT E EUCLÉRIO JUNTOS?

Na entrevista que deu para a coluna De Olho no Poder na semana passada, Euclério chegou a dar algumas alfinetadas no PT. Ele não citou diretamente o partido, mas chegou a dizer que teria um grupo, atuando na Saúde, ligado a um determinado partido, que não aceitou a derrota nas eleições e estaria tentando atrapalhar a gestão.
Ao admitir que será candidato à reeleição, ele chegou a considerar que teria ao menos dois concorrentes: um do PL e outro do PT, sinalizando que não estaria no seu radar ter o apoio de nenhum dos dois.
Ele mesmo afirmou que, entre os partidos atuantes em Cariacica, apenas três não faziam parte de sua base: o PL, o PT e o Psol. Ressalvando que há muitos simpatizantes das três legendas que o apoiam ou, pelo menos, não fazem oposição à gestão.
Aliás, Euclério está empenhado em fazer uma grande frente ampla em prol de sua candidatura à reeleição, inclusive ele disse contar com o apoio do governador Renato Casagrande (PSB). Se a grande aliança vingar, é bem possível que Cariacica não repita o grande número de candidatos que teve em 2020, quando 14 concorreram à prefeitura.

>> Quer receber nossas notícias de política 100% gratuitas? Participe da nossa comunidade no WhatsApp ou entre no nosso canal do Telegram!.

Fonte:Folha Vitória

Maryhanderson Ramos Ovil

Qual Sua Reação?

Alegre
0
Feliz
0
Amando
0
Normal
0
Triste
0

You may also like

More in:POLÍTICA

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *